Estruturados no Espírito Santo

“Não há estruturas levantadas em cima de frustrações e traumas, que durem por muito tempo! Mas cedo ou mais tarde estas estruturas vão ruir!”

É esta a experiência que o Espírito Santo tem me levado a viver nestes tempos. A experiência de perceber todas as estruturas que eu criei nas bases das minhas decepções e traumas. Esta experiência que tenho vivido e que hoje partilho com você, tem me desinstalado. Ela atinge profundamente as dimensões da minha vida, da minha história e principalmente da minha razão, atinge as estruturas das minhas acomodações me lança para frente sem me dar chance alguma de olhar para trás. Tem sido novo para mim. Um desafio! Uma ressurreição de aspectos em minha vida que pareciam estar mortos! Mas nós que caminhamos e estamos com o Cristo, não podemos esquecer que Ele é o Senhor da vida e que Nele não há morte. Estar com Cristo é estar com a vida! Sempre com a vida!

É preciso sair das estruturas formadas e adentrar no dinamismo do Espírito para se chegar à santidade. O Espírito Santo é dinâmico! Ele dinamiza e renova em Seu dinamismo, a nossa vida, as nossas forças, Ele nos traz energia e reinflama em nós a chama do vigor, Ele sempre nos desinstala. “Todo desinstalar-se gera desapego, todo desapego gera pobreza e toda pobreza gera um coração dócil e aberto à obra de santificação que o Espírito Santo quer realizar!”

O Espírito Santo tem me levado a tocar as raízes, as bases das minhas estruturas. Estruturas que foram sendo formadas pelos traumas que sofri ao longo da minha vida. Os traumas nos fecham, nos retraem, inibem a nossa liberdade, forjam nossa verdadeira identidade. A partir disso, nos acomodamos e criamos ao nosso redor, “estruturas”, criamos o nosso próprio mundo, e nele passamos a viver coabitando com a auto piedade, com as nossas frustrações, com o nosso orgulho, com a nossa cegueira que não nos deixa ver caminhos diferentes, que nos impede de darmos uma resposta diferente, de darmos passos, não deixarmos que ninguém veja as nossas feridas, que ninguém nos ajude, nem o próprio Deus.

Passamos a viver na mentira! Fingimos que está tudo bem, pois é muito mas fácil e cômodo agirmos desta forma. Quando chegamos a este ponto, nada mais se almeja, tudo perde o sentido e o seu brilho, a vida se torna triste e amarga, depressiva, o coração já não se sente capaz de amar e a depressão bate a porta querendo entrar.

O que fazer neste momento? A primeira coisa é procurar oração, oração direcionada para a cura interior. Na oração de cura interior, o Espírito Santo vai revelar a raiz dos traumas, vai apontar as bases e a partir desta revelação do Espírito, você vai dar os passos concretos para a libertação. Só pela cura seremos verdadeiramente livres! As estruturas da cura são seguras e garantidas, nelas você pode edificar a sua vida sem medo. As estruturas da cura lhe dão garantia, garantia de liberdade e alegria! As estruturas da cura bem edificadas lhe fazem santo!

Deus tem agindo em minha conversão; Deus tem trilhando em minha vida, caminhos de santidade; Deus tem investindo em mim para que eu possa crescer e ser melhor. Tenho a certeza que o que Deus está fazendo comigo Ele quer fazer com você também!

Deus abençoe você.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.