Ele somente me amava...

Neste último Domingo, dia 18 de abril, festejamos a Festa da Divina Misericórdia. Jesus em uma de suas revelações a Santa Faustina, diante de tantas promessas, pediu que fizesse a Festa em honra a Sua Divina Misericórdia, no primeiro Domingo depois da Páscoa. Por amor a mim, a você, o Senhor com esta festa quer mostrar ao mundo o seu amor e Misericórdia por toda humanidade.

Posso dizer que eu tive um encontro com a Divina Misericórdia. Numa fase da minha vida, me sentia muito sofrida, no corpo, na alma e no espírito, precisei parar tudo o que eu realizava naquele momento da minha vida, Deus permitiu esta parada na minha vida, para me refazer, me curar, derramar a sua Misericórdia, me fazer sentir amada, acolhida, pelo seu Amor, neste tempo vivi, um tempo maravilhoso, que foi o tempo de “reciclagem”, onde fui morar durante nove meses na nossa Casa de Maria, em Queluz-SP. Este tempo foi o momento onde me encontrei com a Misericórdia, me senti muito amada e acolhida pelos meus superiores que me trouxeram para esta casa, pela minha formadora que com muita paciência e amor foi canal da cura e restauração de Deus na minha vida neste tempo, em cada atendimento sentia a misericórdia de Deus que se derramava sobre mim, o Senhor, não olhava para meus erros, minhas infidelidades, minhas fraquezas, mas somente me amava e isso era no concreto do meu dia -a dia, na intimidade com o Senhor, em minhas adorações, sentia que Jesus sempre me abraçava, e neste abraço me curava, falava das minhas qualidades, o porque e para que Ele me havia feito, lembro-me que usava sempre o Devocionário da Divina Misericórdia, onde juntamente com Santa Faustina adorava o Senhor. Nos relacionamentos, como fui amada e curada! Através de cada irmã que morava comigo, me sentia acolhida, respeitada, Deus usou de cada uma delas para a minha ressurreição, e sendo assim a verdadeira Roselaine, que estava morta, através da Misericórdia, foi aos poucos voltando a vida, junto com todos os talentos e dons que foram sendo assumidos aos poucos.

Deus é infinitamente Misericordioso, Deus é Amor, como diz o evangelista São João, e só isso basta… O Senhor quer derramar também sobre você a sua Misericórdia, Ele quer se encontrar, com você… Deixe-se amar, deixe-se curar, por este amor que jorra do lado aberto do Coração de Jesus… Se você hoje, se encontra sofrida, numa situação que só Deus poderá intervir… Saiba que a Divina Misericórdia, está lhe esperando para se encontrar com você.

Não importa o que falaram de você, o que fizeram para você, ou o que você fez, ou deixou de fazer, o Senhor com Sua misericórdia, pode apagar todas estas feridas e dores, como apagou as minhas, confie e se lance a este infinito amor!

“Divina Misericórdia, fonte de prodígios e milagres, eu confio em Vós!!!!”

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.