Dom Bosco nas oficinas forma profissionais

No outono de 1853 Dom Bosco tomou uma decisão. Ele iniciou oficina de sapataria e alfaiataria no Oratório de Valdocco. A oficina de sapataria se localizava próxima à torre da primeira igreja que ele tinha terminado de construir. Lá Dom Bosco sentava em uma banco de pedra em frente a quatro garotos e mostrava como se coloca com força um solado de couro. E lá ensinou também como manusear um linha e agulha.

Depois destas oficinas de sapatos e roupas, Dom Bosco construiu outras oficinas apontadas como gráfica, carpintaria, trabalho de pintura e mecânica; seis oficinas em que os privilegiados eram os órfãos, pobres e os totalmente abandonados. Para cuidar dessas oficinas Dom Bosco inventou um novo tipo de religioso: o coadjutor ou irmão salesiano. Oficinas similares foram logo construídas por outros salesianos em outras localidades fora de Turim.

O irmão salesiano tem a mesma dignidade e direitos que os salesianos sacerdotes e clérigos, mas eles são pessoas especializadas por escolas profissionalizantes. (No tempo da morte de Dom Bosco, o número de escolas salesianas profissionalizantes era 14 no total. Elas existiram na Itália, Espanha e Argentina. Mais tarde o número subiu para 200 por todo o mundo.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.