Deus nos vê e nos conhece a todos, um a um

Ele te chama pelo nome.
Compreende-te como realmente és.
Conhece aquilo que está em ti, todos os
teus sentimentos e pensamentos mais íntimos,
a tua força e a tua fraqueza.

Pousa sobre ti o seu olhar
no dia da alegria e no dia da tristeza;
Ama-te na esperança e na tentação,
interessa-se por todas as tuas ansiedades,
dos altos e baixos do teu espírito.

Ele até contou os cabelos os cabelos
da tua cabeça e mediu a tua estatura.
Envolve-te e te sustém com os seus braços,
Eleva-te e te apóia com cuidado.

Observa os traços do teu rosto,
quando choras e sorris,
quando estás doente ou gozando de saúde.
Com ternura Ele te olha,
sente a tua voz, o bater do teu coração,
ouve até a tua respiração…

Não consegues amar a ti mesmo
mais de quanto Ele te ama!
Não podes tremer diante da dor,
como ele treme vendo-a apossar-se de ti.

E se, todavia, Ele a impõe, é porque,
mesmo tu, se fosses deveras sábio,
a escolherias por um maior bem futuro…

Tradução: Ir. Isabella Lomuscio, ASCJ
Curitiba, PR

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.