A obediência profunda é a Fé vivida na prática

Ninguém quer saber de abaixar a cabeça,

De fazer alguma coisa e dizer obrigado.

O ser humano tem um traço muito forte de rebeldia, de querer fazer as coisas somente quando e se assim o quiser.

Quer ser dono de sua vontade,

Quer se livrar dos compromissos… SER LIVRE!!!

E é aí que quase sempre confunde alhos com bugalhos…

Pensando estar-se libertando de tudo em poder decidir as coisas em sua vida, torna-se mais preso, mais escravo do que nunca.

O ser humano foi criado para o amor e só no amor será feliz.

Mas até o amar é cheio de fantasias e altas produções…

Pensa-se logo em Love Story. Não.

O amor que realiza o ser humano é o amor pelo amar. O amor livre de interesses, interessado apenas no bem estar, no crescimento para todos, na felicidade, na grande comunhão. Na solidariedade.

Para que um seja, verdadeiramente feliz, TODOS têm que ser felizes.

Assim temos que ser uns pelos outros. Servirmos uns aos outros.

Mas isto tudo depende da Fé. Isto tudo está pautado na Fé.

Por isso é que a verdadeira obediência a Deus só poderá acontecer quando alguém acreditar tanto em Deus e no que Ele deixou como “Regra do bem viver”.

Confiar tanto ao ponto de parar de ficar apenas jogando com suas seguranças e espertezas e finalmente contar com Ele.

Fazer ou não fazer as coisas por amor a Deus e às pessoas.

Para deixarmos de ser os espertinhos do mundo e fazermos a vontade de Deus, mesmo quando não tiver ninguém olhando, só por amor a Deus, só pelo tamanho da nossa Fé.

Fonte: psicologiaefe

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.