A igreja no serviço da família.

A situação em que se encontra a família, apresentam aspectos positivos e negativos:

Primeiro: sinal da salvação de Cristo que opera no mundo;

Segundo: os sinais da recusa que os homens manifestam ao amor de Deus.

Há uma consciência da necessidade para o desenvolvimento do relacionamento interfamiliar; para o auxílio recíproco espiritual e material e para a redescoberta da missão eclesial apropriada à família e sua responsabilidade para a edificação de uma sociedade mais justa.

Na outra mão, entretanto, sinais não faltam de uma degradação dos valores fundamentais. Conceitos teóricos e práticos equivocados sobre a independência dos esposos com relação a si próprios; falsos juízos a respeito do relacionamento da autoridade entre pais e filhos.

Sabendo que a união familiar constitui um dos mais valorosos valores humano, a Igreja deseja falar e oferecer sua ajuda a todos aqueles que já se conscientizaram a respeito dos valores do casamento e da família e que procura vive-los fielmente; para aqueles que incertos e ansioso procuram a verdade.

A igreja oferece-lhes serviços a cada pessoa que quer conhecer sobre o destino do casamento e da família.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.