A arte de perseverar

Ainda sinto o cheiro do orvalho daquelas manhãs quando saímos cedinho para visitar meus avós. Morávamos em sítios distantes um do outro e era preciso sair de casa bem cedo para evitar que o sol forte nos alcançasse quando estávamos a caminho.
Tudo era festa, eu e minhas irmãs também crianças fazíamos uma grande expectativa para esta viagem. Pensávamos em tudo, inclusive nas coisas gostosas que a vovó faria para comermos.

O interessante é que começávamos a caminhada dispostos, felizes e bem empolgadas… porém não demorava muito a aparecerem os primeiros sintomas de desânimo. Lembro-me que nos segurávamos ao máximo para não começarmos a reclamar, mas, quando uma falava as outras seguiam suas queixas que em geral eram, mãe estou cansada, tenho sede… nossa como é longe! E nestas horas nossa Mãe nos dava lições de perseverança.

Ela nos encorajava fazendo-nos lembrar que a vovó já estava na porta nos esperando, que tinha feito várias coisas gostosas para nós… que afinal já não estávamos tão distantes, pois, já havíamos caminhado até… e as palavras da mamãe, eram injeção de ânimo para nós. Daí seguíamos a viagem novamente animadas.

Em minha oração pessoal hoje cedo, pedi a Deus que me ensinasse a arte de perseverar, ele me fez lembrar as lições de minha mãe e acrescentou algumas outras…

Compreendo que nossa vida é uma viagem passageira e o destino é a casa não da vovó, mas do Pai, que desde sempre está a porta a nossa espera. Ele preparou não apenas “coisas gostosas” para comermos, mas uma eternidade feliz. Lá não haverá mais cansaço, sede, calor, dores, ou qualquer outra coisa que nos castiga enquanto caminhamos.

O que me dá esta certeza são os fatos simples ou não, que me vejo envolvida por eles a cada dia, contemplando assim sem mistérios a ação concreta de Deus. Duvidar do seu amor e cuidado hoje, seria mais difícil do que acreditar. Motivos para desanimar, sempre aparecem. Mas não podemos nos deixar levar por eles. A certeza do Paraíso que nos espera para uma eternidade feliz, deve nos encorajar a cada dia e não nos deixar parar no caminho, nem muito menos voltar atrás. Faço minhas as palavras do Apóstolo Paulo quando escreve aos Hebreus: “Irmãos, perseveremos na fé para nossa salvação”.


Dijanira Silva

Missionária da Comunidade Canção Nova, desde 1997, Djanira reside na missão de São Paulo, onde atua nos meios de comunicação. Diariamente, apresenta programas na Rádio América CN. Às terças-feiras, está à frente do programa “De mãos unidas”, que apresenta às 21h30 na TV Canção Nova. É colunista desde 2000. Recentemente, a missionária lançou o livro “Por onde andam seus sonhos? Descubra e volte a sonhar” pela Editora Canção Nova.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.