70 x 7

Numa comunidade colocaram um grande letreiro à entrada da casa, que dizia: ’70×7′, alusão à palavra de Deus que nos manda perdoar setenta vezes sete (Mt 18,22). O que significa perdoar setenta vezes sete? Significa perdoar com as seguintes características:

Perdoar tudo a todos

Perdoar tudo, seja o que for, desde a menor ofensa até a própria morte.

Perdoar a todo mundo, não só aos irmãos a quem amamos e que somos capazes de desculpar, mas também aos inimigos, aos que nos odeiam, a quem falou mal de nós, ao comunista, ao protestante, à prostituta, enfim, àqueles que julgamos piores do que nós, embora talvez passem à nossa frente do Reino dos Céus.

Perdoar a quem nos ofende

Embora não nos peçam perdão. Não se trata de perdoar a quem se arrepende, e sim a todos os que nos tenham ofendido; não importa que a pessoa não se volte para nós, devemos perdoar. Assim ensinou Jesus na oração do Pai Nosso: ‘como nós perdoamos a quem nos tem ofendido’.

Imediata e incondicionalmente

Não deixando que o sol se ponha sobre nossa ira, para não permanecer em trevas o nosso coração. E sem condicionar o perdão, sem exigir qualquer tipo de pagamento, sem chantagem, ou fazer com que se sintam mal aqueles que nos ofenderam.

Esquecendo a ofensa

Sem levá-la em conta futuramente. Sem lançá-la ao rosto noutra ocasião. Sem qualquer represália contra o irmão. Perdoar sem esquecer não é perdoar. Não se trata de perdoar materialmente, e sim de agir sem condicionamentos por aquilo que fizeram contra nós. Se vestirmos a armadura do perdão, o Senhor nos encherá com a sua paz.

Restituindo a confiança original

Voltar a confiar no irmão como antes de cometer a falta; como Jesus devolveu a confiança a Pedro, depois de suas três rejeições.

Retribuindo com o bem o mal recebido

Porque a única maneira de vencer o mal não é [somente] suportá-lo com resignação e perdoando, e sim, retribuindo com o bem.

Perdoando de coração

Ou seja, não só de palavra, como também com amor misericordioso e compassivo, sofrendo mais porque nosso irmão se converteu em ofensor do que pelo fato de termos sido ofendidos. E se desta maneira conseguirmos perdoar até sete vezes, os discípulos de Jesus devem perdoar sempre assim.

Impossível possível

Perdoar é, assim, uma ação difícil, que muitos consideram impossível não se sentindo, portanto, obrigados a cumpri-la, uma vez que é irrealizável. E dizem:

‘Eu seria capaz de perdoar qualquer coisa, menos isso’; ‘Isto não aconteceu a mais ninguém…’; ‘Eu sempre o tratei bem, e ele me retribui desta maneira…’.

Outros julgam que perdoar é perder, e como não estão dispostos a perder não querem perdoar.

Torna-se bem claro que não temos forças para perdoar. Precisamente por isso, quando Cristo enviou seus apóstolos para perdoar, falou: ‘Recebam o Espírito Santo, que os capacita a realizar aquilo que não podem fazer com as próprias forças’.

Jornal ‘Lumen’
Arquidiocese de Niterói – Vicariato Região dos Lagos

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.