Uma ajuda adequada

Como o marido pode ajudar a esposa durante a menopausa?

O marido pode contribuir e muito com a esposa durante a menopausa

Acredito que muitos maridos passam por grandes dificuldades durante a menopausa de suas esposas. Aquela mulher dócil, alegre, disposta sexualmente e compreensiva entra em uma fase ao estilo “adolescência” e fica estressada, imprevisível, instável, chorosa, sem ânimo, sem nenhum desejo sexual, questionando tudo ao seu redor. Se não houver um ótimo entendimento da situação, o esposo acaba se colocando no centro da situação e se sentindo culpado por tudo.

Como o marido pode ajudar a esposa durante a menopausa - 1600x1200

Quero dizer aos maridos: “Acalmem-se! Vai passar. Mas você precisa aguardar pacientemente por isso”.

Três pontos importantes para o marido ajudar a esposa

Vou focar em três pontos importantes, pois acredito que o entendimento do marido pode facilitar a convivência de forma direta. Primeiro, na questão do humor. Sei que uma mulher na menopausa pode abalar a estabilidade de toda a família com suas explosões emocionais. Estresse, irritabilidade, desânimo, choro fácil, intolerância com defeitos simples são alguns dos sintomas. Para quem está ao lado dela, parece que enlouqueceu! Fica muito difícil entender e conviver com uma mulher na menopausa. Mas, realmente, ela precisa da sua ajuda.

Se você estiver se sentindo mal em conviver com ela, coloque-se no lugar dela e perceba o quanto deve ser difícil perceber que não se tem mais o controle sobre as próprias reações. É como uma nova adolescência. Graças a Deus, com tempo limitado. Essa instabilidade vai passar, ela encontrará um novo equilíbrio. Se tiver sua compreensão, paciência e alegria, pode ser que passe bem mais rápido!

Leia também:

:: Tratamentos e cuidados durante a menopausa
:: A obesidade está ligada diretamente a fatores emocionais?

:: Gordura trans, um perigo para a saúde
:: Como o homem deve lidar com a mulher na TPM?

Outro ponto importante é a questão sexual. Após a menopausa, acontece uma diminuição muito intensa do desejo sexual. Na verdade, a vontade praticamente acaba. É importante entender que isso é fisiológico, e que a sexualidade do casal pode continuar muito bem. Para isso, a mulher precisa colocar a vida sexual como algo importante para ela, uma das prioridades. E o homem precisa ser compreensivo com essa mudança, e estar aberto ao diálogo, aos carinhos. É necessário reaprender a conquistar sua esposa. Pode acontecer, com o tempo, a mudança física no órgão genital feminino (gerando até mesmo dor na relação sexual), fazendo com que o casal precise do uso de lubrificantes. Pode ser necessário também o uso de algum hormônio local (prescrito pelo ginecologista).

Categoria menopausa

Pode ser uma forma de renovar a vida a dois

É uma fase diferente, mas pode ser uma ótima forma de renovar a vida a dois. Mesmo sem desejo, a relação pode ser muito agradável e prazerosa, cumprindo sua principal função, que é unir o casal e refazer o laço de carinho. Maridos, sejam compreensivos nessa nova fase, conversem bastante com suas esposas para descobrirem como transformar a vida sexual em algo agradável para os dois.

Por último, chamo a atenção para a necessidade de descobrir novos objetivos de vida a dois. Agora, vocês provavelmente estão com mais tempo livre e com mais estabilidade. É hora de se divertir! Viajem, mantenham mais contato com a natureza, saiam para dançar, façam exercícios, mudem a alimentação, façam trabalho voluntário, aproveitem para ir ao cinema, ao teatro, aprendam pintura. Mas para que tudo isso aconteça é preciso que os maridos também se empenhem em viver esse tempo.

Marido animado reanima a esposa

Vejo muitos casos em que os homens, nessa fase, tornam-se mais caseiros, calados, sem disposição para sair (só ficam vendo televisão e acessando a internet). Se você está assim, acredite: você está perdendo uma das melhores oportunidades da sua vida. Por outro lado, se o marido é animado, bem disposto, as mulheres acabam se rendendo à animação e entrando junto no movimento, mesmo sentindo a falta de disposição natural dessa fase.

Homens, a menopausa é difícil para vocês também, mas com seu amor e carinho, esse período se tornará uma linda transição para um novo tempo de mais alegria, amizade, companheirismo e intimidade. Basta perseverar e reconstruir.

Tenha paciência, porque valerá a pena.


Roberta Castro

Roberta Castro é Ginecologista e especialista em terapia familiar. Coordenadora do Ministério de Música e Artes da Renovação Carismática Católica no Estado do Espírito Santo.

Escritora pela editora Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.