Responsabilidade

Quando é que o pai deve parar para rezar?

Diante da paternidade responsável, os pais não devem jamais parar de rezar

Uma vez perguntaram a uma pessoa próxima a Dom Bosco: “Quando Dom Bosco reza?”. A resposta genial foi: “Quando ele não reza?”. Isso obviamente não significa que ele não se recolhia à oração, mas, na verdade, ele fazia de tudo oração. Quando o pai para para rezar? O caminho seria nunca parar de rezar!


Créditos: ImagineGolf by Getty Images

Minha esposa e eu sempre nutrimos o acordo de não brigar. Podemos divergir sim, mas evitar a exaltada discussão sempre. Fala-se muita coisa que não deve ser falada na hora da briga, daquele jeito e, às vezes, naquele local. No entanto, ao entrar nosso primeiro filho em nossa vida, acabamos quebrando o acordo vez ou outra devido à complexidade da educação.

O papel dos pais é cada dia mais exigente. Frequentemente, deparamo-nos com situações, aparentemente tão intrincadas, que se Nosso Senhor não “der uma luz”, é difícil esclarecer nossos filhos sobre a verdade, porque, muitas vezes, nem mesmo nós conseguimos encontrá-la.

Papel do pai em sua própria casa

Santo Agostinho, quando interpelado sobre o papel do pai em sua própria casa, usa como exemplo a figura do bispo. Um dos papéis deste seria meditar nas Sagradas Escrituras e explicá-las ao povo. Seria esse o exato papel de um pai de família. Ele é o bispo daquela pequena igreja doméstica, e seu papel seria o de ensinar aos seus a fé em Nosso Senhor Jesus e na Sua Santa Igreja Católica.

Cada pai deverá prestar contas, diante de Deus, sobre a própria família. São as ovelhinhas que Ele nos confiou para levar à santificação. Diante de tão grande responsabilidade, os pais não devem jamais parar de rezar! Cada ato seja uma oração de suave odor que sobe aos céus!

Como fazer isso?

A vida da gente é uma unidade. Não existem momentos em que se é uma coisa e em outros que se seja outra. Não existem momentos em que se fala com Deus, impulsionados por mil e um motivos, e outros momentos em que se “volta pra realidade”. Não. Toda a nossa vida se passa diante de Deus e cada atitude deve ser feita consciente de que é diante de d’Ele que se está constantemente. Pensando dessa forma, a vida deve ser uma constante oração, assim como era a de Dom Bosco.

O que mais ele fazia?

Num dos seus ensinamentos, ele deixa claro:

“Quereis que o Senhor vos dê muitas graças?
Visitai-o muitas vezes.
Quereis que Ele vos dê poucas graças? Visitai-o poucas vezes.
Quereis que o demônio vos assalte?
Visitai raramente a Jesus Sacramentado.
Quereis que o demônio fuja de vós? Visitai a Jesus muitas vezes.
Quereis vencer o demônio? Refugiai-vos sempre aos pés de Jesus.
Quereis ser vencidos? Deixai de visitar Jesus.
Meu caros, a visita é um meio muito necessário para vencer o demônio. Portanto, ide frequentemente visitar Jesus, e o demônio não terá vitória contra vós.”

Uma vida séria de conversão

Uma outra coisa é: caia de joelhos diante do sacerdote sempre que precisar do perdão dos próprios pecados, procurar uma vida séria de conversão. Dedicar-se em se aprofundar nos mistérios de nossa fé por uma vida de estudo das coisas que a Igreja nos ensina. É infalível receita para lidar com os desafios dos tempos atuais na educação e paternidade!

Essas são as bases para aprender a fazer de todas as coisas oração.

Encontrar a verdade por detrás de cada situação que nos acontece ou do que está acontecendo no mundo e que chegam a nós pelos meios de comunicação social é um desafio tremendo. Onde está a verdade? Quem está sendo honesto? Como ver as coisas com o olhar de Deus que conhece o que está por detrás de tudo?

O encontro com a verdade não se faz sem uma vida entregue à oração numa busca constante de compreender os mistérios de Deus por meio da meditação em Sua Palavra, numa vida santa, debruçando-se nos ensinamentos da Igreja. O papel da Igreja é o de sempre mostrar a verdade. Nela temos um porto seguro. Basta estudar o que ela ensina. É infalível! Nesses pequenos passos, a vida de qualquer homem se torna iluminada com a verdade. Desse jeito, não se para de rezar nem um minuto da vida.

Roger Carvalho
Comunidade Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.