Laços eternos da amizade

A amizade é um dom; um presente de Deus… assim como quando recebemos um presente somos surpreendidos, porque na maioria das vezes não somos nós quem o escolhemos, apenas o recebemos. É assim que Deus faz com o dom da amizade; Ele nos dá, nos presenteia com um amigo.
Ele toma a iniciativa de escolher e trazer até nós, nas mais inusitadas situações, o amigo.
Ele cria os amigos juntos e, mais cedo ou mais tarde, Ele mesmo se encarrega de unir, de permitir tal encontro.

Sendo a amizade uma escolha divina, e não meramente humana, o que nos cabe é aceitar, acolher e assumir a escolha de Deus em nossa vida, abrindo o coração para fazermos uma profunda experiência de laços que se dão para a eternidade.
É como um sacramento, um sinal visível do amor de Deus por nós.


:: Envie um cartão virtual para seus amigos


O amigo é esse sinal visível, palpável. A amizade comporta gestos, atitudes, que nos mostram que Deus escolheu, por amor, se eternizar no meio de nós pela presença de um amigo.
O amigo é aquele que nos conhece tal como somos. Conhece o melhor e também o pior de nós e nos aceita, ama e permanece fiel ao nosso lado. É um verdadeiro companheiro de estrada, um companheiro insubstituível…

Quantas vezes somente o amigo é capaz de desvendar os mistérios que estão escondidos em nós; capaz de percorrer as estradas do nosso coração, as estradas mais secretas do nosso interior, e é sempre uma ajuda adequada, presença de Deus. Nessa experiência vivemos o amor puro como nos ensinou São Paulo: o amor que não espera nada em troca, o amor gratuidade, que apenas ama, que tudo suporta, tudo perdoa, acredita sempre, que não cobra, não aprisiona, mas faz livre… traz liberdade. É esse “amor-verdade” que Deus nos chama e nos permite viver através de um amigo.
A verdadeira amizade brota da íntima e profunda experiência com o maior e melhor amigo: Jesus. É Ele quem nos diz: Já não vos chamo servos, mas sim amigos!

O amor que o amigo Jesus manifestou a nós foi o mais sublime, mais puro, livre, que num ato de extrema liberdade amou até o fim, foi capaz de dar a vida e de gerar vida. Nossas amizades precisam nos levar a viver tamanha experiência de amor ao ponto de dizer: Sou capaz de dar a vida por você!

Amar ao ponto de, a partir de nossas amizades, gerarmos vida, vida nova. E isso só será possível se acolhermos e assumirmos as escolhas de Deus.
A Palavra de Deus nos assegura: “Quem encontrou um amigo, encontrou um tesouro!”
Percebo em minha história tamanha generosidade de Deus nas Suas escolhas. Deus me deu amigos que, como companheiros, são capazes de percorrer as estradas do meu interior, são sempre a ajuda adequada, no tempo oportuno, são tesouros que descobri. São sinais desse Deus que resolveu se eternizar e se fazer presente na beleza do dom da amizade.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.