Oração da 4ª Semana da Quaresma

Salmo da Semana

Viver em comunhão é uma bênção e um desafio. Reze o Salmo 133 (132) durante esta semana, pedindo a graça de valorizar todos os laços que o Espírito Santo estabelece para testemunharmos a vida da Santíssima Trindade.
“Oh! como é bom, como é agradável os irmãos morarem juntos! É como óleo precioso sobre a cabeça, que escorre pela barba, pela barba de Aarão, e desce sobre a gola do seu manto. É como o orvalho do Hermon, descendo sobre os montes de Sião. Pois é lá que o enhor dá a bênção e a vida para sempre”.

“Cristo é a nossa Paz”

Durante esta etapa do retiro, nossa proposta é a da reconciliação e da paz. “Fazer as pazes” é profunda experiência de liberdade. Não somos chamados a perdoar porque quem nos ofendeu já se tornou perfeito, mas por causa daquele que, sem pecado, tomou sobre si as nossas dores. Nesta semana, procure a pessoa ou as pessoas com as quais houve uma quebra de relacionamento.
Depois, não desperdice qualquer oportunidade para aproximar-se das pessoas.
Você pode começar com um “bom dia”, que nada custa, dado de coração à pessoa que se sentar a seu lado num coletivo!

Contemplando a Cristo com os olhos de Maria
Reze os mistérios do Rosário nesta semana, pedindo que se restaure a unidade nas famílias, nas paróquias, na Igreja e no mundo.

Oração da noite

Na Liturgia das Horas, a oração da noite se chama “Completas”. Para o retiro, aqui está uma proposta de aprendizado desta forma de oração.
Deus, vinde em meu auxílio. Socorrei-me sem demora. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo, como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Reze o seguinte hino:

Ó Cristo, dia e esplendor, na treva o oculto aclarais. Sois luz de luz, nós o cremos, luz aos fiéis anunciais. Guardai-nos, Deus, nesta noite, velai do céu nosso sono; em vós na paz descansemos em um tranqüilo abandono. Se os olhos pesam de sono, vele, fiel, nossa mente.
A vossa destra proteja quem vos amou fielmente. Defensor nosso, atendei-nos, freai os planos malvados. No bem guiai vossos servos, com vosso sangue comprado.
Ó Cristo, Rei piedoso, a vós e ao Pai toda a glória, com o Espírito Santo, eterna honra e vitória.

Reze a antífona, seguida do Salmo 91(90):

Não temerás terror algum durante a noite: o Senhor te cobrirá com suas asas.
“Tu que estás sob a proteção do altíssimo e moras à sombra do onipotente, dize ao senhor: Meu refúgio, minha fortaleza, meu Deus, em quem confio’. Ele te livrará do laço do caçador, da peste funesta; ele te cobrirá com suas penas, sob suas asas encontrarás refúgio. Sua fidelidade te servirá de escudo e couraça. Não temerás os terrores da noite nem a flecha que voa de dia, nem a peste que vagueia nas trevas, nem a praga que devasta ao meio dia. Cairão mil ao teu lado e dez mil à tua direita; mas nada te poderá atingir. Basta que olhes com teus olhos, verás o castigo dos ímpios. Pois teu refúgio é o Senhor; fizeste do altíssimo tua morada. Não poderá te fazer mal a desgraça, nenhuma praga cairá sobre tua tenda. Pois ele dará ordem a seus anjos para te guardarem em todos os teus passos. Em suas mãos te levarão para que teu pé não tropece em nenhuma pedra.
Caminharás sobre a cobra e a víbora, pisarás sobre leões e dragões. ‘Eu o salvarei, porque a mim se confiou; eu o exaltarei, pois conhece meu nome. Ele me invocará, e lhe darei resposta; perto dele estarei na desgraça, vou salvá-lo e torná-lo glorioso.
Vou saciá-lo com longos dias e lhe mostrarei minha salvação’.”

Repita a antífona.
Leitura breve:

“Verão a sua face e o seu nome estará sobre suas frontes. Não haverá mais noite: não se precisará mais da luz da lâmpada, nem da luz do sol, porque o Senhor Deus vai brilhar sobre eles e eles reinarão por toda a eternidade”.

Reze o Responsório breve:

Senhor, em vossas mãos eu entrego o meu espírito. Vós sois o Deus fiel, que salvastes vosso povo. Eu entrego o meu espírito. Glória ao Pai ao Filho e ao Espírito Santo. Senhor, em vossas mãos eu entrego o meu espírito.

Reze a antífona e o cântico evangélico:

Salvai-nos, Senhor, quando velamos, guardai-nos também quando dormimos! Nossa
mente vigie com o Cristo, nosso corpo repouse em sua paz!

Cântico de Simeão:

Deixai, agora, vosso servo ir em paz, conforme prometestes, ó Senhor. Pois meus olhos viram vossa salvação que preparastes ante a face das nações: uma Luz que brilhará para os gentios e para a glória de Israel, o vosso povo.

Repita a antífona
Oração:
Visitai, Senhor, esta casa, e afastai as ciladas do inimigo; nela habitem vossos santos Anjos, para nos guardar na paz, e a vossa bênção fique sempre conosco.
Por Cristo, nosso Senhor.
Encerre a oração da Noite rezando a Salve Rainha.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.