Tudo tem seu tempo!

“Viver o momento presente é o caminho mais simples e mais seguro para se chegar à santidade.” (Van Thuan)

Percebo que Deus tem me falado muito nestes dias sobre o valor do tempo e, principalmente, me convencido cada vez mais que: O presente é o mais importante!
Em Eclesiastes, capítulo 3, Deus declara: “Tudo tem seu tempo. Há um momento oportuno para cada coisa debaixo do Céu…” E diz ainda: “… não há nada melhor para o homem, que viver bem alegrando-se e fazendo o bem durante a vida”.

Assumo esta palavra como direção de Deus em minha vida, desde que a conheço. Naturalmente gosto das coisas “organizadas”, talvez por isso, esta palavra expressa que Deus é organizado e quer que sejamos assim, a menos que eu seja assim!
Tenho compreendido que “Viver bem cada momento”, é uma trilha segura que me leva a Deus. Meu desafio fica sendo o de descobrir qual é, portanto, o tempo certo para cada coisa, isto é, ter discernimento – almejo muito esse precioso dom.

Vivo um tempo novo e, de crescimento; é até difícil descrevê-lo com palavras, mas é muito especial. Como sei que tudo passa, tenho procurado viver bem as oportunidades que Deus me dá. Uma coisa é certa: quanto mais abro mão de meus apegos, mais experimento o “ser livre”. Esses dias, andando pelas ruas arborizadas do Rio de Janeiro, vendo a natureza que, aliás, por aqui é caprichada, pude respirar fundo e sentir também fisicamente aquela sensação de liberdade que sentia quando era criança e não tinha tantas coisas complicadas para fazer…

Sei que esta realidade não é conseqüência de um fato, ela vai muito além, acredito que seja conseqüência de uma decisão interior: “abandono em Deus”! Compreendo que a verdadeira liberdade, é estar inteiramente entregue a Deus, sem resistências. É viver cada momento como se fosse: o primeiro momento; o último momento; o único momento. “O ontem já se foi, o amanhã ainda não existe, só temos o hoje!”

Cada palavra, cada gesto, cada telefonema, cada decisão deve ser a coisa mais bela de nossa vida. Van Thuan falando sobre isso, diz: “Faz-se necessário aproveitar as ocasiões que se apresentam todo dia, para realizar ações ordinárias de modo extraordinário. Reservemos a todos o nosso amor, o nosso sorriso, sem perdermos um segundo”.

Quero viver intensamente cada instante, seja ele alegre ou não, pois aprendi que: “viver intensamente todos os instantes da vida, é o segredo para saber viver bem também aquele que será o último”. Que o Senhor nos conceda discernimento e fidelidade.


Dijanira Silva

Missionária da Comunidade Canção Nova, desde 1997, Djanira reside na missão de São Paulo, onde atua nos meios de comunicação. Diariamente, apresenta programas na Rádio América CN. Às terças-feiras, está à frente do programa “De mãos unidas”, que apresenta às 21h30 na TV Canção Nova. É colunista desde 2000. Recentemente, a missionária lançou o livro “Por onde andam seus sonhos? Descubra e volte a sonhar” pela Editora Canção Nova.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.