O sofrimento à flor dapele

Neste dia 24 de Agosto, festejamos a santidade de vida de São Bartolomeu; apóstolo de Nosso Senhor Jesus Cristo que na Bíblia é citado com o nome de Natanael. Filho de Tholomai, nasceu em Caná da Galiléia, naquela pequena aldeia onde Jesus transformou a àgua em vinho.

Bartolomeu-Natanael é modelo para quem deixa-se conduzir pelo o outro ao Senhor, pois assim o encontramos no Evangelho de São João: “Ele (Filipe) vai ter com Natanael e lhe diz: é Jesus, o filho de José de Nazaré”. Depois de externar sua sinceridade e aproximar-se do Cristo, Bartolomeu ouviu dos lábios do Mestre a sua principal caraterística: “Eis um verdadeiro israelita no qual não há fingimento” ( Jo 1,47).

Pertencente ao número dos doze, São Bartolomeu conviveu com Jesus no tempo da vida pública e pôde contemplar no dia-a-dia o conteúdo de sua própria profissão de fé: “Rabi, tu és o Filho de Deus, tu és o rei de Israel”. Depois da paixão, glorificação do Verbo e grande derramamento do Espírito Santo em Pentecostes, conta-nos a Tradição que o apóstolo Bartolomeu teria evangelizado na Índia, passado para a Armênia e neste local conseguido a conversão do rei Polímio, esposa e de muitas cidades, isto até deparar-se com invejosos sacerdotes pagãos, os quais martirizaram o santo apóstolo, após arrancarem sua pele, mas não o Céu pois perseverou até o fim.

São Bartolomeu…rogai por nós!

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.