O herói que Deus enxerga

Certa vez, um lenhador, vinha andando na floresta de volta pra casa, quando foi abordado por um jovem que lhe perguntou porque carregava tanta madeira nas costas e perguntou também a sua idade, e ele disse: 55 anos. O jovem admirado perguntou: Mas com essa idade carrega um fardo tão pesado pra quê? O lenhador respondeu: Olha meu jovem moramos em seis lá em casa, minha mãe é bem velhinha e, vive de cama pela falta de forças, minha esposa cuida de um filho especial que temos, e que exige dela o tempo todo de atenção, tenho mais dois filhos que se casaram e um ainda mora lá em casa porque não tem pra onde ir. E o Jovem perguntou mais uma vez: Só o senhor trabalha nesta casa? Ele respondeu: Sim, só eu, mas, o que me faz perseverar com esses fardos pesados todos os dias, é saber que eles estão se alimentando e que enquanto eu estiver carregando fardos, eles estarão vivendo.

Talvez você seja esse lenhador, o único que reza em tua casa, que carrega a família toda nas costas com seus problemas e limitações. Posso dizer que sua família hoje vive, porque você ainda reza, sei que não é fácil saber notícias que não agradam da família como, por exemplo: sua irmã fez isso, seu irmão, não sei mais o que faço com ele, seu pai só fica bebendo no bar, quantas situações, nos fazem sofrer e muitas vezes, nos sentir impotentes, e ninguém percebe que você luta pra manter sua família viva. Mas Deus enxerga o solitário lutador, que mesmo cansado sorri para os que ele ajuda.

Digo isso porque sou o único em minha casa que é consagrado à uma comunidade de vida, e quantas vezes liguei para minha mãe e ela descarregava tudo em cima de mim, como se eu fosse a solução, mas, mesmo não sendo precisamos recorrer Àquele que tudo pode. Não só eu, mas, muitos irmãos de comunidade vivem isto. Por isso, a necessidade de caminhar olhando para frente, na confiança de que Deus está cuidando dos que nos acompanham, mesmo que de longe. Tenho a plena certeza de que até hoje, Deus mantém meus pais fiéis um ao outro pelas minhas orações e que se eu pensar em descansar tudo pode vir abaixo, porque faltou o essencial a eles, minha oração. É castigante saber que os nossos estão sendo feridos pelo inimigo, mas, isso não pode de forma alguma nos fazer parar ou voltar atrás.
Se você ainda não assumiu sua família em oração, faça a experiência de rezar todos os dias por eles e sinta o quanto Deus cuida de você quando você cuida dos outros. Lembra de quando Abraão perguntou a Deus?
“Que meu Senhor não se irrite, se falar só mais uma vez: e se houver apenas dez?” E ele respondeu: “Por causa dos dez, não a destruirei”. (Gn 18, 32)

A santidade, nos dá a condição de negociar com Deus a vida dos nossos, não se canse de rezar por sua família.

Um grande abraço! Fiquem com Deus!

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.