No colo do Pai

A melhor experiência que se pode Ter com Deus é a de encontrá-lo como Pai. No sentido mais exato da palavra PAI : que ama, que cura, que cuida… Aquele que nós podemos contar em todo tempo sabendo que se errarmos seu olhar compassivo nos educa para sermos melhores. Sentir o amor de Deus Pai é experimentar ser como uma criança amada até os extremos, sentir o amor incondicional, mesmo diante das nossas misérias, nossas fraquezas(IS 54,10-Mesmo que as Serras mudem de lugar, ou mesmo que as montanhas balancem, meu amor para contigo nunca vai mudar, minha aliança perfeita nunca há de vacilar – diz o Senhor o Teu apaixonado), ainda mais diante de nossas infidelidades Ele se mantém fiel!

É hora de encarar a verdade: Deus é apaixonado por mim !Como descobri isso? Uma das formas foi pelo meu pai terreno. Presença forte e marcante, papai sempre me auxiliou nos momentos decisivos de minha vida e vocação. Seu olhar cuidadoso jamais se desviava da sua pequena menina arteira, cheia de energia que não parava um só instante, era preciso ser presença, estar junto, dar passo a passo para que eu também pudesse caminhar. Meu pai desejou o meu nascimento, me amou e me ama, confia e sei que aposta inteiramente em mim. Assim como meu pai desejou que eu viesse ao mundo, Deus também! E até muito mais que o meu pai terreno. Desejou o meu nascimento, aposta tudo em mim e me ama até o ciúmes, sabe que sou capaz de ser melhor porque Ele me conhece, sabe de tudo que vivo porque seu olhar também não se desvia de mim, eu sou preciosa para Deus(Is. 43,4-Pois és muito precioso para mim, e
mesmo que seja alto o teu preço é a ti que eu quero! Is. 44,2-Assim diz o
Senhor, Aquele que te criou, que te formou desde o útero e te protege: “Não
temas, servo meu, Jacó, querido Israel a quem escolhi.) Vê! Hoje eu tomo posse
dessa palavra porque ela se torna verdade na minha vida.

Outro momento que senti a presença amorosa de Deus foi que em muitas coisas
da minha vida sua presença era marcante: na minha sexualidade, como Ele me
preservou de tanta coisa! Certa vez já estava cansada de viver o que esse
mundo me oferecia, me sentia suja, eu conhecia o Deus, Aquele lá da
catequese que diziam que me amava… Mas neste dia eu queria experimentar o
amor do Pai, então diante do chamado a uma vocação pedia a Ele que me desse
uma chance de ser melhor só uma chance, disse a Ele que queria o céu e que
minha alma sentia falta do lugar de onde eu vim. Em julho de 2002 ingressei
na Comunidade Canção Nova. Lembram, eu pedi só uma oportunidade de ser
melhor, e o Deus Pai pleno de amor que deseja o meu regresso a sua casa me
dá cada dia uma oportunidade de ser melhor. É como o milagre da
multiplicação dos pães, Deus multiplica a cada dia a oportunidade de me
tornar melhor. Como? Através da vida fraterna, do meu trabalho que precisa
ser santificado e na minha vida de oração. Eu só preciso dar tudo o que
tenho, os meus cinco pães e dois peixinhos.

Se você vive hoje pedindo essa oportunidade a Deus faça como uma criança
que havendo um precipício a sua frente e essa fosse a única forma de sair
do que está vivendo, ainda que ela não enxergue nada e apenas ouça a voz do
pai que lhe diz :- pula meu filho, eu estou aqui de braços abertos para te
amparar. Essa é a oportunidade que Deus lhe dá, você só precisa confiar no
amor do Pai e pular. Escute agora a voz do Pai que diz: -Pula meu filho,eu
estou aqui de braços abertos para te amparar. Você tem coragem, você confia
que Deus está lá para te amparar?

Se você ainda não teve a experiência com o amor do Pai mas sente falta de
algo que se pode deduzir como carinho, porque não recebeu, então é hora de
voltar para casa, seu espirito anseia pelo colo paterno. Como criança
sentada neste colo, é tempo de reclinar a sua cabecinha no peito do Pai e
silenciar para escutar o palpitar do Coração Daquele que te ama e deixar o seu coração pulsar na mesma sintonia Dele. Volta para casa, Deus Pai está ansioso pela sua volta, já deu tudo que tinha por você, deu o que tinha de mais precioso para não te perder ,seu único filho, Jesus.

Ainda não é tarde, lembra do que Ele falou: Não temas, servo meu, Jacó,
querido Israel a quem escolhi Is 44,2. Não tenha medo, Deus te ama, apenas
abra os braços e deixa o Pai te por no colo. Se você Não tem mais forças,
chama: Abba Pai. Tenho a certeza que o pai sempre ouve os gemidos dos seus
filhos, porque conhece e está sempre atento a cada passo seu, assim como o
meu pai estava atento a mim quando eu era criança.Seje criança,deixe que
esse pequeno bebê venha para fora.Colo do pai é a maior fonte de cura
porque nele só há amor.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.