Missão

Bombeiro, uma profissão dedicada a salvar vidas

Os bombeiros se assemelham a Cristo, que viveu o amor e o cuidado para com o próximo

Sacrifício, coragem e a vontade de ajudar o próximo fazem parte da rotina dos bombeiros. Esses profissionais dedicam-se ao desenvolvimento da sociedade e à promoção do bem comum.

Gratidão, ao perceber que a profissão proporciona mais segurança às pessoas, é um dos sentimentos que movem os bombeiros. Esse sentimento é o que faz Marcelo D’Avanzo Góes dedicar-se, aproximadamente 24 horas por dia, a rotinas distribuídas em horários no quartel onde realiza atividades físicas e treinamentos.

“É bem gratificante saber que estou ajudando pessoas a terem uma vida mais segura”, frisou Marcelo.

Aos 29 anos, Marcelo é soldado da Polícia Militar e há sete anos atua como bombeiro.

Marcelo D’Avanzo Góes – Foto: Arquivo Pessoal

Arriscar a vida por desconhecidos faz parte do dia a dia de Marcelo. Quanto a isso, o bombeiro explicou que, ao sair para o atendimento de uma ocorrência, nunca sabe o que poderá encontrar. Por isso, preparação é essencial para essa profissão.

Várias situações marcam as muitas ocorrências atendidas. Marcelo contou que situações envolvendo crianças são as que mais o impactam.

Casado e pai de dois filhos, Marcelo fala sobre os riscos de sua profissão e diz que tenta não preocupar a família.

“Evito falar com a minha família para não os preocupar. Já sobre as ocorrências bem-sucedidas sempre conversamos, pois me enche de orgulho poder partilhar com eles que ajudei alguém”, explicou o entrevistado.

Marcelo e sua família

Marcelo e sua família – Foto: Arquivo pessoal

Diante das particularidades de sua profissão, Marcelo visualiza em seu trabalho elementos do Cristianismo.

“Todas as vezes que saio em ocorrência para atender alguém, vejo aspectos como ‘fazer o bem sem ver a quem”’, finalizou.

Os bombeiros e outros profissionais se assemelham a Cristo, o qual, enquanto esteve na Terra, buscou viver o amor e o cuidado para com o próximo, deixando Suas atitudes como ensinamentos para a humanidade.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.