É possível?

É possível manter a amizade após o término de namoro?

Que todo namoro termine! Calma, calma

Você chega a este texto todo empolgado e dá de cara com uma frase dessas, do tipo “soco no estômago”. Calma, calma!

Algumas pessoas têm uma visão do término de namoro muito pessimista, como se fosse algo de terrível, com direito a quartos fechados e longas horas de choro e ranger de dentes. Na verdade, todo namoro precisa terminar, seja em um noivado e futuro casamento ou porque não era a pessoa para a qual você quer se entregar pelo resto de sua vida!

O namoro tem um ciclo, tem fases, e o término dele garantirá a forma que aquela primeira atração, paixão prosseguirá conduzindo os namorados. Um término de namoro é algo que envolve muita posse de si mesmo, posse do que você espera em um relacionamento e da vida que pretende viver ao lado de alguém.

É possível manter a amizade após o término de namoroDireitos autorais: AndreyPopov

Terminar um namoro não é uma das tarefas mais fáceis na vida a dois, requer muita decisão! E de+cisão é dar uma cisão, dar um corte a algo. E isso requer muita maturidade.

A primeira forma de terminar um namoro é transformá-lo em um noivado. Mas quando saber a hora de fazê-lo? Quando dar um passo tão comprometedor? Talvez, a primeira dica é saber que algumas coisas no relacionamento (e até na pessoa amada) não mudarão, mas, mesmo assim, você encontra dentro de si uma força de suportar, aguentar e viver com o outro, pois o amor é mais forte que tudo isso e o faz comprometer-se de forma consciente e sem ilusões. Outras dicas a respeito dessa transformação de namoro em noivado ficará para uma próxima postagem, afinal, o título do texto nos pede para falar de uma amizade após um término de namoro; então, vamos ser fiéis ao título, senão não passaremos no Enem…

Leia mais:
.: Namoro X Amizade
.: Término de namoro: como o homem reage?
.: Término de namoro: como a mulher reage?
.: Tenha a coragem de romper um namoro que não me constrói

Vamos ao âmago da questão

Há amizade após o término de namoro? Sim e não!

Estamos falando de pessoas, e elas não são equações matemáticas, contendo fórmulas que nos dão resultados exatos, de sempre sim e sempre não.

Há muitos relacionamentos de namoro em que os namorados conseguem perceber que o sentimento de um pelo outro não banca uma exigência de vida a dois, mas tal sentimento consegue se estruturar numa relação de amizade. Tal namoro, com certeza, firmou-se em uma mútua relação de respeito, onde as pessoas se valorizavam enquanto gente, cultivando a ternura de um para com o outro. Namoros assim nos enriquecem enquanto pessoas humanas que somos. Não é pelo fato de o outro não ser aquele com quem passaremos nossos dias futuros que temos de transformá-lo em monstro do lago Ness. Podemos, ao começar um namoro, ter por certo que as pessoas estão em relação, por isso respeito, cumplicidade, verdade e sinceridade são ingredientes necessários em qualquer relacionamento. E mesmo que este não termine numa fase de noivado, que, pelo menos, tais ingredientes terminem numa nova fase de convívio pacífico e respeito mútuo.

Quando o namoro termina, com ele vai junto a amizade?

Entendo que o amor tem várias formas de se concretizar, e talvez haja pessoas que temos de amar à distância. Por respeito a si mesmo e ao outro, talvez a relação que se findou precise de um tempo, uma distância para ser reelaborada. O perdão precisa ser inaugurado, para que assim uma nova existência possa existir naqueles corações que um dia se apaixonaram. Mesmo que vocês não sejam futuros amigos, respeito e verdade podem marcar este novo jeito de se relacionar.

Você já viveu um término de namoro e conseguiu manter a amizade após isso? Como foi essa experiência? Partilhe conosco!

Livro Agora e Para Sempre - Como Viver o Amor Verdadeiro


Adriano Gonçalves

Mineiro de Contagem (MG), Adriano Gonçalves dos Santos é membro da Comunidade Canção Nova. Formado em filosofia e Psicologia. Atua na TV Canção Nova como apresentador do programa Revolução Jesus. É autor dos seguintes livros: “Santos de Calça Jeans”, “Nasci pra Dar Certo!”, “Quero um Amor Maior” e ” Agora e Para Sempre: como viver o amor verdadeiro”.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.