Alimentação balanceada

Cuidados que se deve ter com a alimentação durante a gravidez

Durante a gravidez, é muito importante ter um acompanhamento nutricional

A gravidez é um momento único e mágico na vida da mulher, e também um tempo de muitas mudanças. Estudos mostram que sete a 10 dias após a fecundação, o sangue da mãe já começa a nutrir o bebê, aí entra a responsabilidade desse período: a alimentação.

Gosto muito de tratar desse assunto, porque a mulher deixa de comer o que ela gosta para comer o que precisa, para ajudar no crescimento do bebê.

Cuidados-que-deve-se ter-na-alimentação-durante-gravidezFoto: Daniel Mafra/cancaonova.com

O cuidado com a alimentação precisa começar antes da gravidez, pois uma alimentação saudável contribui para a nutrição adequada do bebê. No primeiro trimestre, é uma fase essencial para a formação da criança, uma fase de intensa divisão celular, por isso a importância de a mãe saber o que fará bem para ela e para a vida que ela traz.

Vamos desmistificar uma coisa que você já ouviu falar quando uma mulher anuncia que está grávida: “Agora, precisa comer por dois”. Isso não existe! A mãe precisa consumir nutrientes por dois, porque o excesso de peso pode levar a gestante a desenvolver doenças como diabetes gestacional, hipertensão e complicações na hora do parto.

Vamos ao que interessa: o que mudar na alimentação?

Não é preciso aumentar a quantidade de calorias consumidas, mas ter uma alimentação saudável e balanceada, ter horários regulares para alimentar, pois assim é uma garantia de ter os nutrientes necessários para a mãe e para o bebê. Vale a pena lembrar que as necessidades energéticas são diferentes para cada gestante, e a necessidade de sua amiga é diferente da sua, por isso é importante acompanhamento nutricional.

Faça de cinco a seis refeições por dia, respeitando o intervalo de duas a três horas;
Nunca pule o café da manhã;
Coma de três a cinco frutas por dia (uma fruta por refeição);
Coma bem, e não exagere;
Diminua os doces, as frituras, principalmente preparações à milanesa, com creme de leite, embutidos, alimentos ricos em sódio;
Não faça dietas, pois pode faltar nutrientes para você e seu bebê;
Não deixe de consumir alimentos ricos em ferro e cálcio, minerais essenciais para toda a gestação;
Invista nos alimentos ricos em fibras como verduras, legumes, frutas e alimentos integrais;
Hidrate-se, pois é essencial! A recomendação é de, mais ou menos, dois litros de água por dia;
Pratique atividade física, pois ajuda a manter o peso, desde que seja autorizada pelo médico.

Leia mais:
::Qual a melhor idade para engravidar?
::Não consigo engravidar
::A cura interior gera um ambiente familiar saudável
::Se a maternidade causa dor, por que ela vale a pena?

Lembro a você de que o aumento de peso na gestação é inevitável e esperado. Isso acontece, porque o corpo está mudando e crescendo, para proporcionar ao bebê melhores condições para o bom desenvolvimento dele.

Aproveite esse tempo para fazer escolhas inteligentes e saudáveis, pois esse cuidado é para toda a gestação e passa pela amamentação até o crescimento da criança.


Michele Barros

Michele Barros é membro da Comunidade Canção Nova. Nutricionista, atua no Posto Médico Padre Pio.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.